segunda-feira, março 03, 2008

Meu amor, de mar e vento

Eu te quero como quer o vento,
as folhas de acariciar,
leve ou violento.
A menina que ainda sou
quer o arquejo de amante
perdido no perfume que nasce em mim,
do teu desejar.

Eu te quero preso em meu paraíso,
alheio ao tempo que, fora de mim
e de ti,
persiste na sina de peregrinar.
Assim prisioneiro, não o verás,
nem eu,
que só conheço dos teus braços
e de tua melodia nos meus cabelos
vento, vento de me endoidar,
leve ou violento.

Eu te quero meu mar, imenso e inteiro.
Destino a tuas mãos, meus remansos.
E se te afastas, ou se tentas
a mais doída liberdade,
se foges ao encanto que hora lanço,
hás de voltar, hás de vir
leve ou violento.
Pois que, sendo eu, sem ti,
um deserto,
és meu vento de desatinar.

E não foge o vento de sua sina,
nem o mar de onde quer se deitar,

Leves, violentos.

Imagem: Lionel Noel Royer

14 comentários:

Cristiane Moreira disse...

Meu dia já começou muito bem por ter lido essa poesia...

Beijos!!!

suruka disse...

Olá SARAMAR

Tudo é belo aqui.
Mas adoro o titulo
" Meu amor de MAR e VENTO ".

É titulo para canção que quero inventar. Parabens
bj

frodo disse...

Saramar, são belas palavras soltas no vento...
Beijos!

Cris disse...

Saramar...

No amor , nós mulheres podemos ter todas as idades, não?
Beijo, querida.

Daniela Mann disse...

Querida Saramar, como tem passado?
Sempre refrescante ler os seus poemas!
Um abraço amigo da Daniela

Ðiogo disse...

Puxa... Sãos lindos seus versos!! Lindos mesmos!!!

maria claudete disse...

realmente Saramar, amar desta forma contida nos seus versos , é o que anseia toda mulher , não importa a idade que tenha .Abraços, Claudete

Mimi disse...

Menina Saramar, como faz para escrever assim???
Lindo, lindo de viver!!!

Amo passear por aqui...
Me deixa sempre com um sorrisão bobo-feliz no rosto

um beijo grande

Cristal disse...

que lindo!
vc sabiamente sabe conduzir as palavras
de modo a levá-las ao nível da perfeição
parabéns

Mar Arável disse...

NÃO É FÁCIL

AGARRAR O VENTO

MAS NÃO É IMPOSSÍVEL

universodesconexo disse...

Viemos aqui para lembrar voce que amanha eh dia de nossa coletiva pela valorizacao da mulher brasileira ! Ja contamos com cerca de 200 pessoas que assim como voce abracaram com carinho essa linda campanha pelas mulheres. Amanha eh dia de luta na blogosfera e contamos com seu apoio.

Se ainda esta sem ideias para seu post, busque inspiracao em nossos blogs pois la voce encontrara varias ideias de abordagem. Se ainda nao for suficiente nos escreva que podemos lhe ajudar sem duvida.

Um forte abraco e amanha fique certo que nos e mais um monte de pessoas estaremos aqui para ler o que voce tem para nos contar !

Meire - http://meiroca.com/2008/02/05/pela-vlorizacao-da-mulher-brasileira/
Lys - http://universodesconexo.wordpress.com/coletiva-pelas-mulheres/

adelaide amorim disse...

O tempo corre demais e tira o prazer de vir mais vezes aqui. Lindo poema, Saramar!
Obrigada pelo carinho.
Um grande Dia da mulher pra você e um beijo.

Diogo Viana disse...

Novamente me encontro aqui, e sabe?
Não tinha visto inicialmente como parece com Florbela.
Lindo reler...

Bichodeconta disse...

Acho que não ficou gravado o comentãrio.. beijinhos