sexta-feira, setembro 21, 2007

Vieste


Ao teu amor fui destinada, agora sei.
De tanto o ter vivido,
em sonhos, em notívagos monólogos,
sei de tuas pegadas, sei das madrugadas
feitas de te esperar.
Chamei teu nome nas ruas,
em murmúrios, é verdade.
O ruído de te esperar
era um grito dentro de mim.
Vieste, enfim vieste.
Mal sei ouvir
a confidencial música que sussurras.
Jardineiro dos meus sonhos,
me ensine sobre esse amanhecer.

Imagem: Chagall

12 comentários:

Bichodeconta disse...

VIM ESPREITAR NA TUA JANELA , APROVEITO PARA DEIXAR UM ABRAÇO DO TAMANHO DO MUNDO, E DEIXAR PARABÉNS POR CADA POEMA LINDO AQUI ENCONTRADO..UMA BOA SEMANA, ELL

adelaide amorim disse...

Mesmo que os dias não deixem uma fresta por onde escapar, não dá pra deixar de vir ler teus poemas
;) Um beijo grande e ótimo fim de semana.

elisabete do encanto disse...

Minha linda fadinha encantada!!!

Nena disse...

"Jardineiro dos meus sonhos"...

Saramar, dondiéquetutira essas coisas lindas????

Beijo, querida...

crisblog disse...

Talvez um Bach(ária para corda de sol)...

Beijos.

Anônimo disse...

Teu amor me chamou e eu vim. Carregado de sonhos.Vim para para te zr a mais amada de todas as mulheres.
Vim e trouxe nas mãos meu coração em chamas. Minha alma para se abraçar a tua.
Agora, somo um.
Beijos
Eu

Cristiane Martins disse...

Santo google que me trouxe até aqui.
Lindos poemas.
Parabéns!

Edna Federico disse...

Adorei o "jardineiro dos meus sonhos".
Parece que somos mesmo destinados a alguma pessoa em especial....a gente só tem que ter a sorte de encontrar.
Beijo

Lord Broken Pottery disse...

Saramar,
Perfeito domínio das palavras, o que dizer? Lindo! Muito bem escolhido o Chagall.
Beijo

Anônimo disse...

Vou ter que viver até os últimos dias da minha vida afirmando: você fala de amor como poucos sabem falar.
Leila Jalul

Iu disse...

Obrigado. E assim começo bem o meu fim-de-semana. Sabe bem ler-te.

helena disse...

adoro vc de montão, Saramar. Os seu poemas traduzem muito dos meu sentir hoje e nos último tempos.
Tudo de bom.
Helena