quinta-feira, janeiro 04, 2007

De borboletas e pipas




Porque mesmo agora, há uma criança brincando em mim e sem me saber ainda casulo, a borboleta foi meu símbolo no ano que se foi.



Porém, esse meu último ano foi marcado por pipas. O famoso autor em seu livro disse que as pipas têm o poder de fazer o pensamento voar alto, tão alto quanto elas. "Foi isso mesmo que se deu comigo", como diz a música.

Borboletas e pipas e seu frágil existir se assemelham aos dias, aos meus dias, tênue emaranhado de luz e melancolia, de medo e esperança.

Borboletas e pipas são sim, breves e, no entanto, cumprem seu destino de colorir e enfeitar o horizonte.

Assim tentei ser, livre e colorida, desfazendo paredes, em constante descortinar.

As palavras, minhas asas.

Imagem: Cris Johns

13 comentários:

afonso alves disse...

Sim
obrigado por tudo

feliz ano novo
e muito prazer

também aprendo com voce.

afonso alves disse...

Sim
obrigado por tudo

feliz ano novo
e muito prazer

também aprendo com voce.

Georgia disse...

Oi, abrindo minha janela hoje, achei uma borboleta linda que me disse que aqui havia algo muito lindo de se ler e é verdade. Tb li o livro a qual vc se refere e no meu blog do mês de novembro até escrevi um post inteiro sobre ele.
Pipas para simbolizar o seu novo ano que inicia, é muito significante; pois do alto se tem outra visao das coisas, mas nao voe tao alto a ponto de q tudo aqui embaixo se torne apenas pontos.

Um grande abraco Georgia

Cris Penaforte disse...

Querida Saramar...Obrigado pela adorável visita...Seu post está lindo...Tb li o livro a que se refere nele e achei-o maravilhoso...Apareça outras vezes sim, vou linká-la, assim chego aqui mais rápido...Beijão carinhoso, Crisssss....

Anônimo disse...

Belíssimo!
Querida, esse tb foi o meu livro de 2006. Li e reli com kleenex do lado, pq as lágrimas e os soluços eram incontroláveis.
Grande livro!
Beijos e fico feliz de tê-la de volta, sinto sua falta.
Obrigada pela gentil visita!
SôniaSSRJ

Blogildo disse...

Belas asas e belas palavras.

Márcia(clarinha) disse...

Belos voares!
Belos horizontes!
Feliz 2007 doce Saramar e obrigada por me proporcionar tanta beleza em seu poetar.
lindos dias, flor
beijosssssss

Hilda disse...

Borboletas são flores que voam (acho que foi Clarice Lispector que tão bem as definiu...)

Já Saramar junta borboletas e pipas numa leve imagem colorida e feliz. Desejo que nesse ano seu horizonte continue colorido pelas borboletas e pipas...beijos

Kalinka disse...

Minha amiga Saramar

Que 2007 seja pleno de boas realizações!
De amor
De fé
De carinho
De saúde
De alegria
De união
De harmonia
De auto-confirmação

Beijo enorme!

cilene disse...

eu fui bem de fim de ano...fiquei em casa o tempo todo..e vc? ah se todos fossem borboletas e pipas..

Poemas e Cotidiano disse...

Minha querida Saramar:
Estou aqui emocionada, e acabei chorando com sua linda mensagem deixada em meu Blog.
Minha querida, sabe por que me emocionei? Porque eu me sinto do mesmo modo em relacao a voce. Entende?
Eh uma afinidade tao grande, e um amor tao enorme, conhecer voce, sua poesia suave, seu jeito de dizer as coisas de um modo tao profundo, me fez refletir muito no ano de 2007.
Que maravilha esse mundo dos Blogs, onde podemos "quase" tocar as pessoas, e a alma fica tao perto, tao perto...
Lendo voce dizer da borboleta, assim que eu me sinto sempre, uma borboleta... acho que tambem eh porque eu AMO a liberdade! E tambem por ser colorida, e tao fragil, como as vezes sinto que sou!
E achei bonito voce falar da pipa...ah! minha amiga, quantas pipas eu ja soltei na vida... e quantas ja FIZ quando crianca...com papel crepom!
Pipas para mim tem a ver com alegria, pensamentos soltos e liberdade.
Saramar...quero lhe dar um abraco muito apertado, coracao a coracao.
Voce disse que eu sou linda? Linda eh voce minha amiga!
Voce alem de linda eh uma pessoa especial!
Um beijo carinhoso, e que 2007 seja povoado de pipas e borboletas, com purpurina e muitos dias de ternura.
Adoro voce!
MARY

Eärwen Tulcakelumë disse...

Borboletas e pipas...lindo, simplesmente...porém triste..
Se permite chamo-te de amiga, e digo feliz de nós que temos o dom de colocar no papel o nosso sentimento, o nosso amor, a nossa dor...
Que consigamos continuar assim, mesmo ante aos temporais da vida.
Pérolas incandescentes em forma de paz...
Eärwen

Marco Santos disse...

E você, com as suas palavras, nos transforma também em pipa e em borboleta. Ficamos leves, mais leves que o ar... E que sensação boa te ler.
Beijos procê.