sábado, abril 14, 2007

Reflexo (2)

O meu lado que não sei, por onde anda?
Que aparência terá?
Lagarto, cobra, flor, austo de outono ou figurante recusado na mais bela cena?
Não sei, não sei mais, dividida que vivo.
E apesar dos oceanos que me separam de mim, sei que atirar-se-ia ao escuro dos abissais amores, pois que é meu reflexo, meu contrário e minha montanha de guardados, de devaneios tontos, de flores mortas, vívidas demais.
Meu pedaço, meu obscuro interior tem as sementes de todas as flores que festejam meu desadormecer e pinta, diariamente, meu real retrato sob os disfarces que uso para empalidecer a dor de viver.

(sem você, a vida é lento veneno)

Imagem: Malhoa

8 comentários:

Marco disse...

Ah... Olha só... Não estou dizendo... Saramar, você escreve coisas que a gnete fica sem saber se aplaude, se corta os pulsos com barbeador elétrico de tanta inveja, se fica lendo e relendo e relendo...
Optei por fazer esta última coisa.
Degustando cada frase... Essa do "apesar dos oceanos que me separam de mim" é da gente ter vontade de pular dentro d'água e virar ser elemental.
Parabéns, saramar. Você é a melhor escritora de poesias em blogs que eu conheço. Não costumo fazer este tipo de elogios gratuitamente.
Bom final de semana. Carpe Diem. aproveite o dia e a vida.

PELADUZ disse...

Dividida,
Nimguém consegue atender a dois senhores.

adelaide amorim disse...

Lindo seu poema, gosto muito dele. Um beijo grande.

111x6 disse...

Saramar , você é uma das pessoas mais amáveis e especiais que já tocaram meu coração . Um beijo no seu coração com muita saudade e carinho!

cilene disse...

Vc escreve muito bem sua poesia mesmo...sabe esse amor de que sem o outro a gente morre..nao sei se existe? ...talvez exista

Anônimo disse...

Marco,
Assino, reconheço e dou fé, por ser verdadeiro, tudo que vc diz sobre Saramar.
Saramar, um domingo de paz!
Leila Jalul

Flávio disse...

Quando é que sai o seu livro, hein?

Sueli disse...

Saramar, estou em palavras (comentário sem comentário!). Você descreveu tudo, tudo ... Beijo!